EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Fuga de dados faz estremecer governo sueco

Fuga de dados faz estremecer governo sueco
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

O primeiro-ministro sueco precipita uma remodelação governamental para evitar uma crise política. Stefan Lofven anunciou esta manhã a substituição dos ministros do Interior e das infraestruturas, ameaçados por uma moção de censura da oposição conservadora. O chefe de governo social-democrata rejeitou no entanto ceder no que toca à saída do ministro da Defesa.

Os três ministros são acusados de negligência face a uma fuga de dados confidenciais de uma agência governamental há dois anos.

Em causa está a revelação da imprensa sueca de que empregados exteriores à Agência Sueca de Transportes teriam tido acesso a uma base de dados com informações sobre veículos da polícia e exército, assim como sobre as rotas de veículos blindados de transporte de dinheiro.

Os funcionários, de nacionalidade checa, trabalhavam para a empresa IBM encarregue de gerir o sistema informático.

O gesto do primeiro-ministro não convenceu dois dos partidos da oposição que decidiram manter a moção de censura contra o ministro da Defesa que poderia precipitar, desta vez, a demissão do governo a um ano das próximas eleições.

A gravidade da situação contrasta com as garantias das autoridades suecas de que as informações confidenciais não teriam sido passadas a terceiros, nem utilizadas de forma inadequada.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O futuro da Europa: dos combustíveis fósseis à dependência dos metais?

ABBA World, uma nova exposição em Malmö

Suécia passa a permitir mudança de género a partir dos 16 anos