EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Modelo inglesa raptada em Milão

Modelo inglesa raptada em Milão
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Uma modelo inglesa, de 20 anos, foi drogada e raptada, em Milão, a 11 de julho.

PUBLICIDADE

Uma modelo inglesa, de 20 anos, foi drogada e raptada, em Milão, a 11 de julho. Acabou libertada seis dias depois. São várias as teorias sobre a motivação deste crime, mas não há dados concretos e a investigação continua. Sabe-se que o responsável pelo sequestro é Lukasz Pawel Herba, um polaco residente na Grã-Bretanha, detido um dia depois da libertação da modelo:

“O autor desta ofensa muito grave é uma pessoa perigosa. Tenham em mente que ele se apresentou como alguém pronto a arranjar, como ele diz, “soluções permanentes” enquanto assassino contratado ou como elemento de uma organização que trabalha na Dark Web, oferecendo serviços de mercenário, ataques à bomba, sequestros”, explicou Lorenzo Bucossi, responsável da polícia de Milão.

O jornal italiano Corriere della Sera escreve, e cita documentos judiciais, que alguém terá dito à jovem que seria libertada mediante um pagamento de 50 mil euros. Mas os investigadores estarão também a explorar outra teoria a do rapto para leilão on-line, na Deep Web, como escrava sexual.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Adolescente consegue escapar ao raptor após três meses de cativeiro

Liga de Salvini abandona grupo de Meloni no Parlamento Europeu. Há riscos para o governo italiano?

Alpinistas polacos salvos nos Alpes Ocidentais italianos