Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Zidane bisa na Supertaça Europeia, Mourinho lamenta golo irregular

Zidane bisa na Supertaça Europeia, Mourinho lamenta golo irregular
Tamanho do texto Aa Aa

Zinedine Zidane conquistou esta terça-feira o sexto título em pouco mais de época e meia como treinador ao mais alto nível.

Diante do Manchester United, orientado por um dos que foi seu “mestre”, José Mourinho, o francês bisou pelo Real Madrid na conquista da Supertaça Europeia.

“Temos uma equipa, como dizia na antevisão, com muita fome e que quer sempre mais. Este foi um jogo quase perfeito porque a primeira parte foi espetacular. Sofremos um pouco na segunda, mas é uma final, é normal”, disse Zidane no comentário final à partida de Skopje, na Macedónia.


Após ter assumido o cargo de diretor desportivo do Real Madrid a pedido de José Mourinho, em 2010, Zidane passou a treinador adjunto em 2013 com o italiano Carlo Aancelotti.

Em 2014, Zidane assumiu o comando técnico da segunda equipa dos “merengues”, o Castilla. Em janeiro do ano passado, o francês substituiu o espanhol Rafa Benítez como treinador da equipa principal e acabou como campeão europeu.

Vencedor da Supertaça Europeia há um ano, esta época Zidane conduziu os “blancos” ao título espanhol, ao título mundial de clubes e à reconquista dos títulos europeus: “Champions” e Supertaça.


Quanto a Mourinho, a lista de troféus é mais longa, mas não muuto embora o português já ande nestas andanças há mais de uma década. Após duas Ligas dos Campeões e duas Ligas Europas, pela terceira vez, o agora treinador do Manchester United pôde disputar a Supertaça Europeia e mais uma vez com uma equipa que havia ganho a Liga Europa na temporada anterior.

Depois de a perder pelo FC Porto, em 2003, e pelo Chelsea, dez anos depois, José Mourinho voltou agora a ver fugir-lhe o único troféu europeu que ainda lhe falta no currículo, mas o treinador viu aspetos positivos nesta derrota.

“Obviamente, um vencedor da Liga dos Campeões tem um potencial diferente de um vencedor da Liga Europa. Quanto a nós, penso que, ao virmos aqui fazer as coisas positivas que fizemos, temos de ficar otimistas e começar no domingo a Liga Inglesa motivados com mais uma grande experiência”, perspetivou o treinador.

No entanto, Mourinho não evitou uma crítica às incidências do jogo: “o Real Madrid foi superior em muitos momentos do jogo, mas não o foi noutros. Marcaram um golo em fora de jogo, o qual não seria validado com vídeo-árbitro.”

O Manchester United joga domingo com o West Ham, no arranque da Liga inglesa. No mesmo dia, o Real Madrid visita Barcelona para a primeira mão da Supertaça espanhola.