Turistas abandonam Ísquia após sismo

Turistas abandonam Ísquia após sismo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Contam-se, pelo menos, duas vítimas mortais e cerca de 40 feridos.

PUBLICIDADE

Um bebé de apenas sete meses foi resgatado dos escombros pelas autoridades italianas, na sequência do sismo na ilha de Ísquia, ao largo de Nápoles. Os seus irmãos, de 7 anos e 11 anos, que se encontravam também debaixo dos destroços, já foram salvos igualmente.

Tudo isto aconteceu na localidade de Casamicciola, a mais afetada pelo abalo que registou uma magnitude de 4.0 na escala de Richter. Contam-se, pelo menos, duas vítimas mortais e cerca de quarenta feridos, na sua grande maioria ligeiros.

Muitos turistas juntaram-se no porto local para tentar sair rapidamente da ilha.

O epicentro do sismo localizou-se a cerca de dez quilómetros de profundidade no norte de Ísquia. Vários edifícios colapsaram.

Na próxima quinta-feira, a Itália assinala o primeiro aniversário do sismo que fez quase 300 mortos, sobretudo na localidade de Amatrice.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

FAO realiza primeira Conferência Mundial sobre a Transformação Sustentável da Pecuária

As últimas homenagens ao ex-presidente italiano Giorgio Napolitano

800 bombeiros estão a combater os incêndios na Sicília