Carles Puigdemont: "Assumo mandato do povo para fazer da Catalunha um estado independente"

Carles Puigdemont: "Assumo mandato do povo para fazer da Catalunha um estado independente"
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Cronologia dos eventos do dia 10 de outubro em que Puigdemont deixou a independência da Catalunha em suspenso para inciar diálogo com Madrid

Presidente da região autónoma da Catalunha assume “mandato do povo para fazer da Catalunha um estado independente na forma de uma reopública”, mas não declara de forma clara o “divórcio” unilateral em relação a Espanha.

PUBLICIDADE

Carles Puigdemont abriu um período que espera de diálogo com o governo espanhol para dar seguimento ao processo de independência que entende ter sido legitimidado pelo controverso referendo de um de outubro, em que participaram 43 por centos dos eleitores catalães, dos quais 90 por cento terão votado pela independência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Puigdemont: o independentista no exílio

Maioria das jogadoras da seleção espanhola põe fim a greve

Luis Rubiales impedido de se aproximar de Jenni Hermoso