Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Detido suspeito de envio de cartas armadilhadas

Detido suspeito de envio de cartas armadilhadas
Tamanho do texto Aa Aa

A brigada grega antiterrorismo deteve um homem de 29 anos suspeito de ter estado envolvido no envio de cartas armadilhadas – com engenhos explosivos ocultos no interior – para responsáveis da União Europeia e para o antigo primeiro-ministro Lucas Papademos.

A confirmação foi feita este sábado pela polícia helénica. No apartamento do suspeito foram encontradas, entre outras coisas, armas, cronómetros, cabos, envelopes e selos.

Em março, uma carta-bomba explodiu nos escritórios do Fundo Monetário Internacional em Paris. Antes, uma embalagem suspeita destinada a Wolfgang Schäuble foi intercetada no Ministério alemão das Finanças.

Em maio, o antigo primeiro-ministro grego Lucas Papademos ficou ferido em Atenas depois de um engenho explosivo, escondido num envelope, ter rebentado no interior do carro em que seguia.