Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Terrorista de Nova Iorque seguiu as instruções do Estado Islâmico

Terrorista de Nova Iorque seguiu as instruções do Estado Islâmico
Tamanho do texto Aa Aa

O terrorista de Nova Iorque, Sayfullo Saipov, foi formalmente acusado de terrorismo. Perante o juiz, este imigrante uzebeque, de 29 anos, disse que o ataque tinha sido planeado dois meses antes; que escolheu o Halloween porque havia muita gente na rua e que pensou levar consigo uma bandeira do Estado Islâmico (EI) mas desistiu, para não chamar a atenção. Diz-se inspirado pelo Daesh

Segundo a polícia seguiu à risca as instruções dos jihadistas para este tipo de ataques.

Donald Trump reagiu pedindo uma justiça mais rápida e mais exemplar do que a que tem sido aplicada contra “estes animais”.

“A minha administração está a coordenar de perto os esforços federais e das entidades locais para investigar o ataque e investigar este animal que fez este ataque”. Enviá-lo para Guantanamo? Sim, estou a considerar essa hipótese”, disse.

Trump tinha voltado a falar ontem do reforço dos controlos da imigração. Hoje diz que quer acabar com o sistema de imigração conhecido há 22 anos pelo Green Card ( lotterie).

“Temos que ser mais firmes, mais inteligentes e menos politicamente corretos”, disse.

A tragédia da terça-feira tirou a vida a oito pessoas, entre as quais alguns membros deste grupo de ciclistas, filmados minutos antes de a carrinha ter avançado sobre eles.

Na noite passada centenas de pessoas reuniram-se numa vigília em memória das vítimas. O presidente da câmara de Nova Iorque apela à resiliência dos nova-iorquinos e pede para não politizarem a tragédia.