Antigos dirigentes da FIFA julgados por corrupção em Nova Iorque

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Antigos dirigentes da FIFA julgados por corrupção em Nova Iorque

Começou em Nova Iorque o julgamento de três antigos dirigentes da FIFA, no âmbito do escândalo de corrupção que ditou a queda de Sepp Blater.

José Maria Marin, antigo presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Juan Ángel Napout, ex-presidente da Federação Paraguaia e Manuel Burga, que ocupava o mesmo cargo no Peru, sentaram-se no banco dos réus para responder às acusações de suborno e fraude envolvendo vários milhões de dólares. Os três reclamam-se como inocentes.

Ao todo, o chamado “FIFAgate” abrange 42 responsáveis do poderoso organismo desportivo, sendo que 24 deles já se declararam culpados de corrupção.