Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Está dado o pontapé de saída da "One Planet Summit"

Está dado o pontapé de saída da "One Planet Summit"
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Arrancou a chamada "One Planet Summit." As alterações climáticas estão na ordem do dia desta cimeira que reúne cerca de meia centena de líderes mundiais, entre eles o chefe de Governo português.

O encontro que visa impulsionar o Acordo de Paris assinado há dois anos conta com uma ausência de peso: a dos Estados Unidos, um dos maiores poluidores do mundo. Nada que assuste o chefe de Estado Francês.

"A decisão do Presidente Donald Trump de abandonar o acordo de Paris representa o inicio de uma nova etapa. Acredito que esta é uma oportunidade coletiva para avançarmos" afirma Emmanuel Marcon.

O encontro visa impulsionar o Acordo de Paris que os Estados Unidos decidiram abandonar em junho.

A luta contra as alterações climáticas e a redução da emissão dos gases com efeito de estufa continuam a mobilizar os ativistas e a sociedade civil. Esta terça-feira, centenas de pessoas manifestaram-se em, Paris, contra as energias fôsseis que dizem pertencer ao passado e pediram aos líderes mundiais para se focarem no futuro.

O Acordo de Paris que visa limitar a subida da temperatura mundial reduzindo as emissões de gases com efeito de estufa, entrou em vigor novembro de 2016.