Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Reino Unido: Inflação atinge os 3,1 por cento em novembro

Reino Unido: Inflação atinge os 3,1 por cento em novembro
Tamanho do texto Aa Aa

A inflação no Reino Unido ultrapassou a barreira dos 3 por cento em novembro, o nível mais alto em cinco anos e meio. Uma subida que o gabinete nacional de estatísticas justifica com as tarifas aéreas e com os jogos de computador e que já está a ser sentida nos bolsos dos consumidores.

"Sou reformada e penso que deviam baixar o preço da comida que está sempre a subir. Cada vez que vou às compras noto que está tudo mais caro" refere uma mulher.

"O preço dos produtos alimentares está a subir. A manteiga, por exemplo, aumentou muito desde o ano passado. Talvez seja por causa do Brexit" afirma um homem.

A inflação acelerou para 3,1% em novembro face ao mesmo período do ano passado. O crescimento de cerca de um ponto percentual acima do previsto vai obrigar o governador do Banco de Inglaterra a dar explicações ao ministro das Finanças.

Os dados são divulgados numa altura em que a passagem à segunda fase das negociações para a saída do Reino Unido da União Europeia está iminente.

O Brexit já levou o governo britânico a rever as perspetivas de crescimento para 2017 (de 1,5 por cento) e para os próximos anos.