Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Arranca votação na Catalunha

Arranca votação na Catalunha
Tamanho do texto Aa Aa

Esta quinta-feira é um dia decisivo para a Catalunha. Mais de 5 milhões e meio de eleitores têm até às 20 horas, 19 horas em Lisboa, para escolher o novo governo regional. Espera-se que a votação ponha fim à crise catalã, a pior das últimas décadas em Espanha, desencadeada por um referendo que Madrid não quis autorizar mas que foi, ainda assim, realizado pelo governo regional e no qual os catalães se decidiram pela independência.

O governo foi demitido pelo Primeiro-ministro espanhol. Mariano Rajoy marcava eleições antecipadas para esta quinta-feira.

A luta trava-se entre os independentistas, liderados pelo ex-chefe do executivo catalão, Carles Puigdemont, o governo central, de Mariano Rajoy, mas poderá ser uma formação alternativa, o Ciudadanos, a surpreender. Resta ainda saber qual será o nível de participação dos catalães.

O líder do Junts per Catalunya, assiste de fora à votação. Carles Puigdemont está em Bruxelas, para onde fugiu quando Madrid assumiu o controlo governativo da Catalunha.