EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Áustria quer apertar política de asilo

Áustria quer apertar política de asilo
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O novo governo austríaco quer que requerentes de asilo paguem estadia no país.

PUBLICIDADE

Em conferência de imprensa sobre os desenvolvimentos anuais da política de asilo, o novo ministro austríaco do Interior falou sobre os planos para fortalecer a política austríaca de asilo. Ou seja, e entre outras coisas, poderá estar a avaliar-se a possibilidade de "concentrar num só lugar" os requerentes de asilo. Mas não só:

"Podemos tomar medidas de partilha de custos, ou seja, uma espécie de remoção de dinheiro: se alguém entra no nosso país com uma carteira cheia, ele deve participar no pagamento da sua acomodação", afirmou Herbert Kickl, ministro do Interior da Áustria.

Esta sexta-feira, o chanceler da Áustria, Sebastian Kurz, pedia aos líderes europeus "uma oportunidade" para si e para a sua coligação governamental, isto apesar das suas conhecidas posições anti-imigração e contra a reforma da União Europeia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cidadãos acolhem requerentes de asilo e questionam política migratória

Chanceler austríaco saúda Sunak pelo plano de deportação para o Ruanda

Scholz promete melhorar o processamento de migração irregular