Schulz sai e Nahles é nomeada para liderar SPD mas deve esperar

Schulz sai e Nahles é nomeada para liderar SPD mas deve esperar
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente da Câmara de Hamburgo assumirá o cargo de forma interina até ao Congresso do partido a 22 de abril

PUBLICIDADE

Martin Schulz anunciou o abandono com efeito imediato da presidência do Partido Social-Democrata alemão. A direção da formação propôs como sucessora Andrea Nahles, líder do SPD no Bundestag, a Câmara Baixa do Parlamento.

No entanto, o substituta designada terá de esperar para suceder a Schulz, devido à rebelião interna no partido, com vários responsáveis e federações regionais a exigirem que a nomeação seja submetida a voto no congresso da formação agendado para 22 de abril.

Entretanto, o presidente da Câmara de Hamburgo, Olaf Scholz, assumirá de forma interina a liderança do SPD. Scholz é apontado como o próximo ministro das Finanças na grande coligação negociada com o partido cristão-democrata da chanceler Angela Merkel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Líder regional do partido de extrema-direita AfD é julgado por utilizar símbolos nazis

Polícia alemã deteve dois homens suspeitos de serem espiões russos

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial