Última hora

Última hora

Dua Lipa e Stormzy, os grandes vencedores dos Brit Awards

Em leitura:

Dua Lipa e Stormzy, os grandes vencedores dos Brit Awards

Dua Lipa e Stormzy, os grandes vencedores dos Brit Awards
@ Copyright :
REUTERS/Hannah McKay
Tamanho do texto Aa Aa

A juventude triunfou sobre a experiência na cerimónia dos Brit Awards, a noite de gala da música britânica.

No evento realizado na noite desta quarta-feira, os jovens Dua Lipa (22 anos) e Stormzy (24) foram os grandes vencedores, conquistando cada um dois galardões, à frente de outros nomes consagrados, como Ed Sheeran, Liam Gallagher ou Calvin Harris.

A cantora Dua Lipa brilhou ao triunfar nas categorias de melhor artista a solo feminina e revelação do ano. De origem albanesa, Lipa era mesmo a artista mais nomeada da noite, com cinco nomeações.

Para fechar a noite em grande, Dua Lipa atuou em palco com o seu single 'New Rules', que atingiu já mil milhões de visualizações no Youtube.

A outra sensação da noite foi o rapper londrino Michael Omari, mais conhecido como Stormzy.

O músico, de 24 anos, levou para casa os prémios de melhor artista solo masculino e melhor álbum britânico do ano.

O rapper atuou também na cerimónia e teve uma intervenção mais política ao questionar a primeira ministra Theresa May sobre o dinheiro para as vítimas de Grenfell, o edifício que ardeu em 2017 causando 71 mortos.

Em destaque estiveram ainda os Gorillaz, ao conquistar o prémio de melhor grupo britânico, superando XX, Royal Blood, Wolf Alice e London Grammar.

A nível internacional, a cerimónia consagrou Kendrick Lamar, Lorde e Foo Fighters.

Lista completa de vencedores:

Artista masculino a solo britânico: Stormzy

Artista feminina a solo britânica: Dua Lipa

Grupo britânico: Gorillaz

Revelação: Dua Lipa

Prémio Sucesso Global: Ed Sheeran

Single britânico: Rag’n’Bone Man – Human

Álbum britânico: Stormzy – Gang Signs & Prayer

Vídeo britânico: Harry Styles – Sign of the Times

Artista masculino a solo internacional: Kendrick Lamar

Artista feminina a solo internacional: Lorde

Grupo internacional: Foo Fighters

Prémio escolha dos críticos: Jorja Smith

Produtor britânico: Steve Mac