EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Barbieri, 'o senhor das armas', acusado de tráfico nos EUA

Barbieri, 'o senhor das armas', acusado de tráfico nos EUA
Direitos de autor 
De  Antonio Oliveira E SilvaMICHEL DOS SANTOS com AGÊNCIA BRASIL, LUSA E EFE
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Procuradores recomendam extradição para o Brasil, o que foi também pedido pela Justiça brasileira.

PUBLICIDADE

O Ministério Público do distrito do Sul da Florida acusou Frederik Barbieri de tráfico de armas e recomendou a sua extradição dos EUA, o que foi também pedido pela Justiça Brasileira. Espera-se que o alegado traficante tenha a primeira audiência na terça-feira

Barbieri, de 46 anos, é considerado como um dos maiores responsáveis pelo tráfico de armas dos EUA para o Brasil pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. Tem a nacionalidade brasileira e dos EUA.

O alegado traficante foi detido na noite de sexta-feira por agentes dos serviços de migração e controlo de fronteira quando se encontrava na sua residência em Fort Pierce, na região de Miami.

Pedido de Extradição

De acordo com a Agência Brasil, o ministério da Justiça e Segurança Pública, apresentou ao governo norte-americano o pedido de extradição no sábado.

A Justiça brasileira suspeita que Barbieri é responsável pela importação ilegal de 60 fuzis de guerra em junho de 2017. A carga foi apreendida no Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro Galeão -Tom Jobim, numa operação que resultou na detenção de nove pessoas, entre as quais, João Felipe Barbieri, o filho de Frederik Barbieri.

Desde 2015 que o Brasil investiga o alegado traficante. As autoridades do Estado do Rio de Janeiro dizem que a detenção de Barbieri na Flórida foi possivel graças à cooperação entre investigadores brasileiros e dos EUA.

Em 2013, Barbieri começou com um esquema para a exportação ilegal de armas de fogo, com origem nos EUA, de acordo com a Justiça brasileira, que terá durado quatro anos.

O alegado traficante terá comprado, com outros suspeitos, várias armas, acessórios e munições, que escondeu depois em pacotes para serem enviados para o Brasil. Os números de série das armas terão sido ocultados.

As autoridades brasileiras dizem que Frederik Barbieri reside de forma nos Estados Unidos desde 2012.

Desde 2006 que Barbieri é procurado pelas autoridades brasileiras. O Governo do estado do Rio de Janeiro diz que o tráfico de armas contribui para o aumento da violência na segunda maior cidade do Brasil.

O Rio de Janeiro passa por uma intervenção militar, ordenada pelo presidente Michel Temer, que começou este mês de fevereiro.

Editor de vídeo • Antonio Oliveira E Silva

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Autoridades brasileiras temem migração de criminosos do Rio de Janeiro

Motim numa prisão no Brasil faz 9 mortos e 77 reclusos em fuga

Barão da droga preso no Paraguai é extraditado para cadeia no Brasil