EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Exclusivo: Juncker lança aviso aos candidatos dos Balcãs à UE

Jean-Claude Juncker entrevistado por Efi Koutsokosta em Sófia, na Bulgária
Jean-Claude Juncker entrevistado por Efi Koutsokosta em Sófia, na Bulgária
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente da Comissão Europeia lembra que ainda há muito por fazer antes que Albânia, Bosnia-Herzegovina, Kosovo, Macedónia, Montenegro e Sérvia possam aspirar a alargar o bloco sediado em Bruxelas

PUBLICIDADE

Jean-Claude Juncker avisa os países dos Balcãs interessados em integrar a União Europeia de que têm ainda muito por fazer se querem mesmo entrar no bloco sediado de Bruxelas.

Em entrevista exclusiva à euronews, a emitir esta sexta-feira à noite, o presidente da Comissão Europeia sublinha que um dos pontos negativos passa pelos atritos persistentes entre alguns destes vizinhos numa região ainda muito sensível.

"O Nacionalismo está orientado contra outros. A luta contra a corrupção, que é de suprema importância, e a luta contra o crime organizado, que é de enorme importância, não têm nada a ver com patriotismo. O que estamos a pedir aos parceiros desta região é para assumirem este compromisso com seriedade. Não pode ser só de boca. É preciso faze-lo de facto e eles vão faze-lo. Se não o fizerem, a porta vai ficar fechada", avisou.

Juncker falou com a euronews, em Sáfia, na Bulgária, o Estado-membro atualmente com a presidência rotativa da UE.

O presidente da Comissão Europeia acaba de fazer um périplo pelos Balcãs, onde seis países aspiram a integrar o bloco europeu: Albânia, Bósnia-Herzegovina, Kosovo, Macedónia, Montenegro e Sérvia.

As negociações formais com Bruxelas ainda só foram iniciadas por sérvios e montenegrinos.

A entrevista a Jean-Claude Juncker pode ser vista na íntegra a partir das 20:45 (menos uma hora em Lisboa), esta sexta-feira à noite, na euronews.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mariano Rajoy à margem da Cimeira dos Balcãs

Onda de calor e condições extremas em vários pontos da Europa

Balcãs: autoridades pedem precauções à população perante temperaturas de 40 graus