Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Turcos preparam assalto final a Afrin

Turcos preparam assalto final a Afrin
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As tropas turcas estão prestes a assumir o controlo de Afrin, no norte da Síria. A garantia é dada pelo chefe de Estado turco um dia depois de os militares terem cercado o enclave curdo.

Ancara avançou com a ofensiva para combater as milícias curdo-sírias há cerca de dois meses. Na mira da operação: as Unidades de Proteção do Povo, apoiadas por Washington na luta contra o autodenominado Estado Islâmico. Um grupo que Ancara classifica de terrorista devido às ligações com o PKK, Partido dos Trabalhadores do Curdistão.

No início da semana, o porta-voz do Governo turco garantia que as forças armadas turcas já controlavam de mais de metade da região de Afrin . As próximas horas podem ser decisivas para concluir a operação batizada de Ramo de Oliveira.

Desde o início da ofensiva, Ancara confirmou a morte de 43 militares turcos e de 3 mil combatentes curdos. O Observatório Sírio dos Direitos Humanos faz outro balanço e diz que as Unidades de Proteção do Povo perderam cerca de 400 elementos em combate.

Mais de 200 civis terão sido mortos, desde finais de janeiro. O número de deslocados ronda os 16 mil.