EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Oposição quer Pashinyan no poder

Oposição quer Pashinyan no poder
Direitos de autor 
De  Euronews com REUTERS
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Líder político deverá passar por votação no parlamento, mas precisa de apoio da maioria.

PUBLICIDADE

Duas semanas de protestos na Arménia. Milhares de pessoas voltaram a concentrar-se na Praça da República, centro da capital, Erevan, esta segunda-feira.

Os manifestantes querem que Nikol Pashinyan seja o novo primeiro-ministro e exigem que o Executivo eleito, do Partido Republicano da Arménia deixe o poder.

Algo que poderá acontecer em breve, caso Pashinyan vença um voto no parlamento. Um voto que, para a oposição, já está ganho.

Nikol Pashynian promete que, se assumir o cargo, convoca eleições antecipadas.

São os protestos mais intensos em 10 anos na Arménia. Antiga republica sovietica, a nação do Cáucaso é aliada da Russia, que observa atentamente o desenrolar dos acontecimentos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Líder da oposição da Arménia perde eleição no parlamento e regressa à contestação nas ruas

Governo da Arménia admite ceder liderança a Nikol Pashinyan

Oposição arménia acredita que só há um caminho a seguir