Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Facebook aposta na proteção de dados e encontros românticos

Facebook aposta na proteção de dados e encontros românticos
Direitos de autor
REUTERS/Stephen Lam
Tamanho do texto Aa Aa

Para grandes males... o remédio possível! Depois do escândalo Cambridge Analytica que manchou a reputação do Facebook, Mark Zuckerberg anunciou a criação da ferramenta "Histórico Limpo", ontem, na abertura da conferência anual dos programadores da rede social, que decorre até hoje, dia 2 de maio.

"Vai ser possível utilizar esta ferramenta para ver a informação das aplicações e dos sites com os quais interagimos e será possível apagar toda esta informação do perfil assim como deixar de a armazenar" – explicou o patrão do Facebook.

Mark Zuckerberg confessou que não tinha respostas claras a muitas das perguntas que lhe fizeram há pouco mais de um mês no congresso dos Estados Unidos. Por isso afirmou que a empresa que fundou continua a trabalhar para tornar claro o funcionamento do Facebook:

"Estamos a pedir a todos quantos publicam anúncios políticos ou gerem muitas páginas para poderem ser verificados com uma identificação governamental. Estamos a fazer os anúncios mais transparentes."

O patrão do Facebook revelou também uma nova ferramenta para os 200 milhões de utilizadores que se declaram solteiros. O serviço de encontros será opcional e o chat funcionará em paralelo com a aplicação messenger. Para Zuckerberg esta função tem como objetivo criar relações de longo prazo e não encontros ocasionais. Resta perceber se as práticas dos utilizadores irão ao encontro dos desejos do fundador da rede social.