EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Como a Torre de Pisa resiste aos sismos

Como a Torre de Pisa resiste aos sismos
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O mesmo solo flexível que faz inclinar a Torre de Pisa, fá-la resisitir aos tremores de terra. É este o mistério da longevidade da emblemática torre, começada a construir em 1173 e concluída 200 anos depois.

PUBLICIDADE

Está situada na Praça dos Milagres, mas não será por milagre que tem resistido a tantos tremores de terra.

Uma equipa de investigadores da Universidade de Bristol chegou à conclusão que é a combinação entre a rigidez da estrutura e a flexibiidade do solo que permitem à Torre de Pisa resistir

Como diz o professor Camilo Nuti, da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Roma:

"O solo macio, que é a fraqueza da Torre e que a fez inclinar-se, é também a sua força, porque este solo macio age como um amortecedor, impedindo que ela sinta movimentos horizontais e, portanto, a torre sobrevive a terremotos, mesmo violentos."

A estabilidade do monumento, que começou a ser construído em 1173 e só ficou concluído 200 nos depois, devido a diversas guerras, tem sido um enorme enigma para a comunidade científica.

A famosa Torre de Pisa que se ergueu apesar das guerras e se mantém apesar dos sismos, parece dizer do alto dos seus 58 metros: "antes torcer que quebrar".

E é essa força que atrai todos os anos milhares de turistas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Torre de Pisa está a endireitar-se

Líder do Malawi pede investigação independente à morte do vice-presidente em acidente de aviação

Investigadores pedem mais investimento na ciência aos candidatos às eleições