Última hora

A Itália manterá portos abertos se houver reforma da política de migração

A Itália manterá portos abertos se houver reforma da política de migração
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Itália anunciou que manterá os seus portos abertos por mais um tempo ao desembarque de navios de resgate de migrantes do Mar Mediterrâneo, com uma condição. Tal como vem exigindo há anos e mais recentemente nas últimas semanas desde que assumiu uma posição mais dura relativamente à migração, o governo italiano exige que a política de migração da União Europeia seja radicalmente mudada.

O ministro dos negócios estrangeiros italiano Enzo Milanesi afirmou ontem que o governo pretende ser paciente, mantendo os portos abertos até que a reforma da política de migração seja concluída.

A decisão demonstra uma postura mais contida por parte do governo italiano mas é também resultado de pressão da União Europeia, que afirma necessitar de mais tempo para alcançar um acordo sobre a migração.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.