Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Trump pode encontrar-se com iranianos "quando eles quiserem"

Trump pode encontrar-se com iranianos "quando eles quiserem"
Tamanho do texto Aa Aa

Durante uma conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro italiano, Donald Trump disse que marca um encontro com os iranianos "quando eles quiserem".

Uma proposta inesperada depois de semanas de retórica entre Estados Unidos e Irão, depois da saída dos EUA do acordo internacional sobre o nuclear iraniano.

Os EUA decidiram também aumentar as suas sanções sobre o Irão até que este mude as políticas regionais.

Não está claro se Rouhani tem interesse em reunir com Trump. O chefe de gabinete do presidente do Irão declarou no início deste mês, a um jornal estatal, que Rouhani já tinha rejeitado oito pedidos de Trump para conversações frente-a-frente no último ano.

Recentemente, Rouhani preveniu os EUA que "uma guerra com o Irão é a mãe de todas as guerras", o que suscitou uma reação de Trump, na rede social Twitter, escrita completamente em maiúsculas.

Dois dias depois, Donald Trump disse que a Administração estava pronta para o regresso do Irão à mesa das negociações.