EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Fisco espanhol devolve dois milhões de euros a Cristiano Ronaldo

Fisco espanhol devolve dois milhões de euros a Cristiano Ronaldo
Direitos de autor 
De  João Paulo Godinho
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os serviços tributários concluíram que o jogador português tinha pagado dois milhões de euros em impostos a que não estava legalmente obrigado em 2014.

PUBLICIDADE

O Fisco espanhol decidiu devolver dois milhões de euros a Cristiano Ronaldo, no âmbito do processo de alegada evasão fiscal do futebolista português.

Em junho, a justiça espanhola já havia condenado o ex-jogador do Real Madrid a pagar 18,8 milhões de euros, além de uma pena suspensa de dois anos.

Agora, os serviços tributários consideraram que Ronaldo pagou impostos a que não estava legalmente obrigado, quando em 2014 cedeu os seus direitos de imagem a duas sociedades radicadas nas Ilhas Virgens Britânicas e propriedade, através da sociedade Mint Media, do empresário e dono do Valência, Peter Lim, para potenciar a sua presença no mercado asiático.

Como a prestação de serviços ocorria fora de Espanha, a operação deixava de estar sujeita ao pagamento de IVA, que Ronaldo liquidou no valor de 2.094.200,72 euros.

Segundo o jornal El Mundo, o agora jogador da Juventus já entregou ao Estado espanhol 13,4 milhões de euros e o resto da multa seria paga ao longo das próximas semanas.

Assim, o Fisco procedeu a um acerto de contas e Ronaldo, que sempre afirmou nunca ter tido intenção de fugir aos impostos, vai pagar um total de 16,7 milhões de euros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Shakira na mira do "Fisco" espanhol

Málaga limita licenças de alojamento turístico para fazer descer preços das rendas

Novo naufrágio perto de Tenerife faz pelo menos 5 mortos. 68 migrantes foram resgatados com vida