Ryanair garante 85% dos voos apesar da greve

Ryanair garante 85% dos voos apesar da greve
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cerca de 60 mil passageiros foram afetados com a greve desta sexta-feira.

PUBLICIDADE

400 voos cancelados e e cerca de 60 mil passageiros afetados.

São os números da greve desta sexta-feira da Ryanair em cinco países europeus: Alemanha, Suécia, Irlanda, Bélgica e Holanda.

Os sindicatos pedem melhores condições de trabalho, salários mais justos e diálogo.

Ingolf Schumacher, presidente do sindicato Vereinigung Cockpit, pede uma mudança:

“O que está aqui em causa é mostrar à administração que tem de acabar o ataque aos seus colaboradores. E é isso que esperamos conseguir hoje. E enviamos uma mensagem direta a Dublin: a Ryanair tem de mudar.

A Ryanair garantiu que vai realizar 85% dos voos programados e, em comunicado, afirmou que "a maior parte dos clientes afetados foi colocada noutros voos”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Greve da Ryanair afeta milhares de passageiros

Greve na Lufthansa afeta 100 mil passageiros

Pessoal de terra da Lufthansa faz greve em cinco aeroportos da Alemanha