A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

O assombroso retrato de Van Gogh em Veneza

O assombroso retrato de Van Gogh em Veneza
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Entre os 21 filmes em competição pelo Leão de Ouro nesta 75.ª edição do Festival de Veneza encontra-se "At Eternity's Gate" - Às portas da eternidade, do realizador e pintor Julian Schnabel.

Um assombroso retrato do pintor holandês Vincent Van Gogh, interpretado pelo norte-americano William Dafoe, que deu vida ao sargento Elias Gordin em "Platoon - Os Bravos do Pelotão" (1986).

Aos jornalistas, Julian Schnabel contou que o filme se centra na "personalidade sensível" de Van Gogh e no processo criativo do pintor, alguém muito mais do que um louco.

"Vincent Van Gogh escreveu grande parte do guião. Muito do que é dito foi encontrado nas cartas dele. Penso que era um homem absolutamente lúcido."

É verdade que o artista passa por episódios psicóticos, vítima de tormentos mentais. Mas a narrativa conta uma tensão emocional interna e o guião evita o recurso fácil à externalização de uma loucura desenfreada.