Última hora

Bolsonaro: as explicações do atacante

 Bolsonaro: as explicações do atacante
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O homem que esfaqueou Jair Bolsonaro disse à policia que agiu "por motivos pessoais" e "sob as ordens de Deus".

Em declarações à imprensa, o advogado do agressor, Pedro Augusto Lima Possa, afirmou que Adelio Bispo de Oliveira, de 40 anos, lhe assegurou ter agido "por motivos religiosos, políticos e também pelos preconceitos que Bolsonaro demonstra sempre que fala sobre raça, religião e mulheres," informou a AFP.

Antes de ser detido pela policia, o atacante foi agredido pela multidão.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.