Última hora

Última hora

Serena Williams multada em 15 mil euros por protestos

Em leitura:

Serena Williams multada em 15 mil euros por protestos

Serena Williams multada em 15 mil euros por protestos
Tamanho do texto Aa Aa

Serena Williams foi multada em 17 mil dólares (cerca de 15 mil euros) pelos protestos contra o árbitro na final do Open dos Estados Unidos em ténis.

Tudo começou quando o português Carlos Ramos advertiu a tenista por receber instruções do treinador.

Serena negou, mas a penalização estava dada.

A norte-americana revoltou-se e partiu a raquete, recebendo mais uma penalização.

Depois avançou para a cadeira do árbitro e chamou Carlos Ramos de mentiroso e ladrão, altura em que recebeu a terceira advertência.

Serena perdeu a final para a japonesa Naomi Osaka por 6-2 e 6-4 e na conferência de imprensa após o jogo considerou que as sanções que sofreu foram sexistas.

Uma opinião partilhada por alguns ex-tenistas nas redes sociais.

Billie Jean King agradeceu à tenista por se revoltar com esta diferença de tratamento em relação aos homens.

Chris Evert diz que a primeira advertência foi justa, mas que todos recebem instruções do treinador e é preciso mudar a regra.

Andy Roddick considerou que foi a pior arbitragem que já viu e James Blake admitiu que, enquanto jogador, fez pior e não foi penalizado.

Entrevistado no final do jogo, o treinador Patrick Mouratoglou admitiu que deu instruções a Serena Williams, mas diz que esta não as terá visto porque senão não teria reagido da forma como o fez. Considerou ainda que esta regra é hipócrita e está a matar o ténis.