Última hora

Última hora

Manifestantes protestam contra abate de floresta antiga

Em leitura:

Manifestantes protestam contra abate de floresta antiga

Manifestantes protestam contra abate de floresta antiga
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas manifestaram-se este domingo na Alemanha contra o abate da floresta antiga de Hambacher.

"O carvão é provavelmente a forma mais suja de produzir energia elétrica. É o que produz mais emissões de CO2"

Ativista (não identificado) Manifestante anti carvão

No centro da polémica está a empresa de energia RWE que pretende abater parte significativa da floresta a fim de extrair lignite, um tipo inferior de carvão.
Os manifestantes insurgem-se e exigem o fim rápido das centrais a carvão.

"Estamos a protestar contra a exploração do carvão. O carvão é provavelmente a forma mais suja de produzir energia elétrica. É o que produz mais emissões de CO2.
Hoje estamos a plantar novas árvores para prolongar a vida da floresta e não reduzi-la", afirmou um ativista entrevistado pela euronews e que recusou identificar-se.

A polícia procedeu à demolição de 18 das cerca de 50 cabanas construídas nas árvores.

Segundo um artigo publicado na revista "Der Spiegel", as últimas centrais a carvão poderão fechar entre 2035 e 2038 de acordo com uma proposta apresentada.
A empresa de energia RWE rejeitou a proposta descrevendo-a como "inaceitável".

Os manifestantes exigem o adiamento do abate da floresta até que a Comissão do Carvão se pronuncie sobre o caso.