Última hora
This content is not available in your region

Alexeï Navalny novamente detido

Alexeï Navalny novamente detido
Tamanho do texto Aa Aa

No dia em que saía em liberdade, Alexeï Navalny voltou a ser detido. O líder da oposição russa acabava de cumprir uma sentença de 30 dias na prisão por ter organizado uma manifestação não autorizada, quando foi novamente levado pela polícia.

De acordo com a porta-voz de Navalny, o ativista político foi abordado à porta do centro de detenção de onde saía por agentes que o levaram para uma esquadra em Moscovo.

Sobre o opositor ao regime pendem, desta vez, acusações de envolvimento numa manifestação de onde resultaram feridos. A pena pode ir até 20 dias de prisão.

As acusações reportam aos protestos de 9 de setembro, que levaram às ruas milhares de pessoas, em toda a Rússia, para se oporem ao aumento da idade de reforma, à corrupção e à ação policial. Um evento que Navalny falhou por já se encontrar detido.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.