A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Realizador de "A vida de Adèle" acusado de agressão sexual

Realizador de "A vida de Adèle" acusado de agressão sexual
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O realizador franco-tunisino Abdellatif Kechiche é a mais recente figura do cinema a cair na rede do movimento #Metoo e foi acusado de agressão sexual por uma atriz de 29 anos... segundo ela, a cena passou-se num apartamento em Paris, depois de um jantar particularmente regado. O realizador nega as acusações.

Trailer de "A vida de Adèle", com Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos.

Kechiche é conhecido, sobretudo, pelo filme "A vida de Adèle", que lhe valeu em 2013 a Palma de Ouro em Cannes. Na altura, foi acusado de sujeitar as atrizes e a equipa técnica a um ritmo de rodagens extenuante.

"Mektoub my love" é o mais recente filme de Kechiche.