Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Financial Times nomeou George Soros pessoa do ano

Financial Times nomeou  George Soros  pessoa do ano
Tamanho do texto Aa Aa

O jornal de negócios britânico Financial Times nomeou George Soros como a pessoa do ano 2018.

O multimilionário e filantropo de origem húngara "tornou-se um porta-estandarte da democracia liberal, um conceito cercado pelos populistas", escreveu o jornal.

Soro ganhou especial notoriedade quando foi considerado inimigo da Hungria pelo primeiro-ministro, Viktor Orbán.

A propósito das manifestações populares em curso nas ruas, contra recente legislação laboral, um porta-voz do governo, Zoltan Kovacs, disse que estavam a ser orquestradas por uma oposição fraca e ativistas pagos pelo estrangeiro.

"Os cidadãos têm o direito de protestar, desde que não violem a lei. Mas cuidado quando uma pequena minoria de ativistas treinados no exterior, representantes de partidos perdedores e golpistas da rede Soros surgem empenhados em derrubar um governo popular democraticamente eleito", escreveu num blogue, na passada segunda-feira.

Um porta-voz da Fundação Open Society, criada por George Soros, respondeu que não estavam envolvidos nos protestos.