Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

"Violência antissemita tem de terminar"

"Violência antissemita tem de terminar"
Tamanho do texto Aa Aa

O que começou por ser um protesto pacífico, tornou-se num protesto marcado por violência.

As autoridades francesas alertam para as "descontroladas manifestações" dos coletes amarelos e querem dar um fim à violencia nas ruas.

O primeiro-ministro Edouard Philipp depois de uma reunião com as autoridades policiais pediu novamente "calma".

"Este debate serviu para que o funcionamento das nossas instituições retornem à ordem e isso implica que estas provocações, afirmações, que às vezes são antissemitas, essa violência, esse desejo de causar estragos e atacar deliberadamente a polícia tenha de acabar.", disse o primeiro-ministro.

Vários policias dizem ter sido atacados com pedras maiores do que as próprias mãos.

O protesto contra o aumento dos combustíveis prolonga-se há semanas. Os atos de vandalismo e de violência estão a ser investigados, num país onde a relação com o governo não parece melhorar .