Última hora

Última hora

"Breves de Bruxelas": Vistos "gold", Hungria e Prodi

"Breves de Bruxelas": Vistos "gold", Hungria e Prodi
Tamanho do texto Aa Aa

Portugal é um dos 20 países da União Europeia convidados a serem mais transparentes e a colaborarem com o novo mecanismo de monitorização sobre os chamados vistos e passaportes "gold".

Num relatório apresentado, quarta-feira, em Bruxelas, o executivo europeu diz que estão em causas riscos nos domínios da segurança, evasão fiscal, corrupção e branqueamento de capitais.

Este é o tema de abertura do programa "Breves de Bruxelas", que passa em revista a atualidade europeia diária. Em destaque estão, também, as seguintes notícias:

  • O ministro dos Negócios Estrangeiros da Hungria, Péter Szijjártó, diz que não será enviado um representante do governo ao debate do Parlamento Europeu, na próxima semana, sobre recente legislação e decisões que levaram a grande contestação popular. Péter Szijjártó disse que o debate solicitado pelo grupo do Verdes é "espetáculo" no âmbito da campanha para as eleições europeias de maio.
  • O italiano Romano Prodi visitou Bruxelas para atividades de lóbi. O ex-presidente da Comissão Europeia (1999-2004) reuniu-se com o atual executivo europeu, liderado por Jean-Claude Juncker, quarta-feira, para promover investimentos em infra-estruturas de cariz social, nomeadamente na habitação.