A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Tensão em Paris em dia de greve geral

Tensão em Paris em dia de greve geral
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os "coletes amarelos" vestiram o colete da CGT. A principal central sindical francesa fez um apelo à greve geral, esta terça-feira, contra as injustiças sociais na sociedade francesa. Os "coletes amarelos" ouviram este apelo e mobilizaram-se, em Paris.

"São cidadãos e funcionários que nunca conheceram sindicatos. Então podem ter uma imagem distorcida do papel dos sindicatos e do que eles fazem. Foi necessário conhecermo-nos uns aos outros", disse o secretário-geral da CGT, Philippe Martinez.

A manifestação começou início da tarde na Câmara Municipal de Paris e prolongou-se até à praça da Concórdia.

"Nós não somos sindicalizados - não é a mesma coisa - estamos juntos, uns ao lado dos outros . Estamos aqui em solidariedade. E a solidariedade é importante", explica um dos fundadores do movimento dos "coletes amarelos", Thierry Paul-Valette.

Uma solidariedade entre os dois movimentos que levantou alguma tensão entre manifestantes e a polícia, nas ruas da capital francesa. As forças policiais foram obrigadas a intervir, com gás lacrimogéneo.