Última hora

Última hora

Macedónia do Norte assina protocolo de acesso à Nato

Macedónia do Norte assina protocolo de acesso à Nato
Tamanho do texto Aa Aa

A caminho da Nato. Aquela que era a Antiga República Jugoslava da Macedónia assinou perante os 29 estados membros da Aliança Atlântica o protocolo de acesso à organização. A cerimónia teve lugar na sede em Bruxelas.

O principal obstáculo que impedia a adesão da Macedónia era o nome, motivo de veto da Grécia.

"A história não acontece por acaso, é preciso fazê-la acontecer. Gostaria de reconhecer e elogiar a liderança do primeiro-ministro Zaev e do primeiro-ministro Tsipras. Era mais fácil não fazer isto, mas eles ousaram investir capital político em benefício dos dois povos, das duas nações, de toda a região e da NATO como uma família, como uma aliança", declarou o ministro dos Negócios Estrangeiros macedónio, Nikola Dimitrov.

"Quero felicitar Skopje e Atenas por demonstrarem empenho e coragem em chegar a um acordo sobre a questão do nome. Agora podemos olhar para o futuro. A sua adesão trará mais estabilidade aos Balcãs Ocidentais. Isto é bom para a região e para a segurança euro-atlântica", sublinhou Jens Stoltenberg, secretário-geral da Nato.

Em breve, a Nato vai ter um membro de pleno direito... a Macedónia do Norte, o novo nome da Antiga República Jugoslava da Macedónia