A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Al Shabaab ataca hotel no centro de Mogadíscio

Al Shabaab ataca hotel no centro de Mogadíscio
Direitos de autor
REUTERS/Feisal Omar
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de três dezenas de mortos e 80 feridos é o último balanço do ataque perpetrado pelo grupo extremista Al Shabaab contra um grande hotel do centro de Mogadíscio.

A ação começou com um atentado com uma viatura armadilhada, numa das ruas mais movimentadas da capital da Somália, e prolongou-se várias horas depois com um tiroteio entre forças de segurança e "jihadistas", entricheirados num edifício adjacente ao hotel.

"Estava a conduzir por esta estrada, quando vi muitas pessoas a fugir e a grande explosão ocorreu pouco depois, Não consigo explicar com palavras o quão ansioso e chocado fiquei", afirmou uma testemunha.

Outra disse: "Quando estava a passar pela rua Maka Al-Mukarama, vi um carro de luxo a virar a grande velocidade para o hotel e a explosão abalou toda a área à volta."

Os "jihadistas" do Al-Shabaab foram progressivamente afastados de Mogadíscio e de outras grandes cidades da Somália desde 2011 pelas forças da União Africana que protegem o governo apoiado pelo Ocidente, mas controlam ainda vastos territórios rurais e protagonizam regularmente ataques na capital.