EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Guaidó decreta estado de emergência na Venezuela

Guaidó decreta estado de emergência na Venezuela
Direitos de autor 
De  João Paulo Godinho
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O autoproclamado presidente interino teve a autorização do parlamento em virtude do apagão que afeta o país há cinco dias.

PUBLICIDADE

O líder do parlamento e autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, convenceu a Assembleia Nacional a aprovar por unanimidade a declaração de estado de emergência devido ao apagão.

Com o país parcialmente sem energia há quase uma semana, Guaidó apelou ainda aos venezuelanos a juntarem-se para uma manifestação nacional nesta terça-feira contra a crise energética.

"Compreendo perfeitamente o desespero que todos temos hoje, e é por isso que hoje estamos a pedir à Assembleia para aprovar este estado de alarme nacional para a Venezuela... um estado de emergência, de tragédia, de catástrofe em que a Venezuela vive", afirmou.

A origem da falha estará na central hidroelétrica de Guri, principal responsável pelo abastecimento elétrico do país.

Se o presidente Nicolás Maduro acusa os Estados Unidos da América (EUA) de estarem por detrás de um alegado ataque, a oposição aponta o dedo ao regime pela corrupção e falta de investimento na manutenção das estruturas.

E enquanto persiste o braço de ferro político, os cidadãos tentam contornar a falta dos serviços mais básicos. Além da eletricidade, praticamente não há comunicações e começa a haver constrangimentos sérios no abastecimento de água.

A resposta de Maduro foi a suspensão de atividades laborais e escolares por mais 48 horas.

Nas últimas horas, os EUA anunciaram também a retirada de todos os funcionários da embaixada na Venezuela, mais uma consequência do agravamento da tensão social e política no país.

Outras fontes • Reuters / Lusa

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Apagão" agrava crise na Venezuela

Nova falha de energia agrava braço de ferro político na Venezuela

Apagão deixa Venezuela às escuras