Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

As novas datas do Brexit

As novas datas do Brexit
Tamanho do texto Aa Aa

Reunidos em Bruxelas, os líderes da União Europeia concordaram com a extensão do prazo para a saída do Reino Unido, como pedia Theresa May.

O futuro da relação entre Bruxelas e Londres está outra vez nas mãos da Câmara dos Comuns.

Em cima da mesa estão agora duas datas : 22 de maio para uma saída com acordo e 12 de abril se o acordo for rejeitado.

Depois da reunião em Bruxelas, em conferência de imprensa, o presidente do Conselho Europeu afirmou que 12 de abril é uma data fundamental no que diz respeito à decisão do Reino Unido de realizar ou não eleições para o Parlamento Europeu.

Donald Tusk declarou que, até lá, todas as opções estão em aberto e que as datas do “salto para o abismo” serão adiadas.

O presidente da Comissão Europeia destacou a união dos estados-membros sobre o dossier Brexit e garantiu que Bruxelas fez tudo para ajudar o Reino Unido: “esclarecimentos em dezembro, garantias em janeiro e mais garantias no início da semana em Estrasburgo”.

Para a primeira-ministra britânica, a decisão do Conselho sublinha a importância da Câmara dos Comuns aprovar um Brexit com acordo “para pôr fim à incerteza e permitir uma saída suave e ordenada”.

Na reunião desta quinta-feira, os líderes europeus sublinharam que o Acordo de Saída, aprovado pela União Europeia e Reino Unido em novembro, não será renegociado.