Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Theresa May: compromisso com oposição é a única alternativa

Theresa May: compromisso com oposição é a única alternativa
Direitos de autor
REUTERS/Simon Dawson
Tamanho do texto Aa Aa

Theresa May diz que não teve escolha e que as negociações com os trabalhistas foram a única forma de defender o Brexit. Este domingo, a primeira-ministra britânica explicou a decisão polémica de negociar com a oposição.

"A escolha que temos pela frente é sair da União Europeia com um acordo, ou não sair. Agora penso que o governo concorda: precisamos deixar a União Europeia, devemos implementar o Brexit. Isso significa que precisamos de um acordo e é por isso que procuramos novos caminhos, uma nova abordagem para encontrar um acordo no parlamento. E isso significa conversações entre os partidos".

Theresa May espera um entendimento com os trabalhistas e o fim do impasse no parlamento antes da reunião de emergência da União Europeia sobre o Brexit, marcada para a próxima quarta-feira.

A líder da Câmara dos Comuns, Andrea Leadsom, sublinha a importância de um compromisso.

"É isso que está em causa e vamos fazer tudo para conseguir. De qualquer forma, o mais importante é deixar a União Europeia".

O futuro do Brexit parece estar nas mãos de Jeremy Corbyn. Os trabalhistas acusam o governo de pouca flexibilidade para alterar as posições anteriores sobre Brexit.

Esta é mais uma semana crucial para o Reino Unido.

Se nenhum acordo for aprovado, o país deve deixar a União Europeia na próxima sexta-feira, dia 12 de abril.