EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Greve deixa 40% das bombas sem combustíveis em Portugal

Greve deixa 40% das bombas sem combustíveis em Portugal
Direitos de autor 
De  Filipa Soares
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cerca de 40% dos postos de abastecimento em Portugal estavam inativos ou em pré-rutura quarta-feira à tarde, na sequência da greve dos motoristas de matérias perigosas. O protesto começou na segunda-feira e 24 horas depois o Governo português declarou uma crise energética.

PUBLICIDADE

Cerca de 40% dos postos de abastecimento em Portugal estavam inativos ou em pré-rutura quarta-feira à tarde, na sequência da greve dos motoristas de matérias perigosas. O protesto começou na segunda-feira e 24 horas depois o Governo português declarou uma crise energética.

Os motoristas pedem a criação de uma categoria especial para quem conduz camiões que transportam matérias perigosas e melhores salários.

Esta quarta-feira, os condutores procuraram as bombas que ainda tinham combustíveis e fartaram-se de esperar... A correspondente da Euronews em Portugal, Filipa Soares, falou com alguns dos condutores, preocupados por razões diferentes.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Portugal entra na greve do "estado de crise energética"

Motoristas celebram chegada a acordo

As nove prioridades de Luís Montenegro para as primeiras semanas do Governo