Última hora
This content is not available in your region

Manfred Weber na campanha austríaca

Manfred Weber com o chanceler austríaco Sebastian Kurz
Manfred Weber com o chanceler austríaco Sebastian Kurz   -  
Direitos de autor
REUTERS/LISI NIESNER
Tamanho do texto Aa Aa

O candidato do Partido Popular Europeu à Presidência da Comissão Europeia, Manfred Weber, deu o pontapé de saída da campanha do Partido Popular Austríaco (ÖVP) às eleições europeias.

Com o apoio do chanceler Sebastian Kurz, Weber sublinhou em Viena a principal linha orientadora do que espera vir a ser a sua presidência.

"Quero ser Presidente da Comissão Europeia para defender esta Europa dos nacionalistas e liderá-la para um futuro corajoso e bom."

Um futuro próspero que para o chanceler austríaco só acontecerá se for revisto o Tratado de Lisboa, que regula o funcionamento da União Europeia desde 2009.

"Temos que estar melhor preparados para a crise. Temos de alterar os tratados para garantir que a União Europeia tem um tratado contemporâneo, à prova de crises, que nos permita estar preparados quando necessário."

Manfred Weber lembrou que a Europa é um continente marcado pelo Cristianismo e que deverá ser sempre democrática. Defendeu por isso o fim das negociações de adesão à União Europeia com a Turquia presidida por Recep Tayyp Erdogan.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.