Última hora

Michael Gove assume ter consumido cocaína

Michael Gove assume ter consumido cocaína
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O passado persegue os candidatos à liderança do Partido Conservador britânico. Michael Gove, atual ministro do Ambiente e ex-ministro da Justiça, assumiu numa entrevista ao jornal Daily Mail que consumiu cocaína en várias eventos sociais quando era jornalista.

Os consumos, que Gove agora lamenta e classifica como "erros", terão ocorrido há 20 anos.

A notícia não surge isolada.

Pelo menos três outros candidatos a suceder a Theresa May assumiram contacto com drogas.

Rory Stewart, ministro para o Desenvolvimento Internacional, pediu desculpas por ter fumado ópio num casamento no Irão, há 15 anos.

O ministro britânico dos Negócios Estrangeiros, Jeremy Hunt, admitiu ter bebido um batido de canábis, quando viajava pela Índia.

Boris Johnson, o favorito à lideraça dos conservadores, não desmentiu o contacto com cocaína nos tempos da Universidade.

O tema não deverá por Gove fora da corrida à liderança. O ministro tem uma base de apoio bastante alargada e visto como sério candidato à sucessão de Theresa May.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.