EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Madrid vira à direita. Barcelona mantém-se à esquerda

Madrid vira à direita. Barcelona mantém-se à esquerda
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Governos municipais viabilizados com entendimentos pós-eleitorais

PUBLICIDADE

José Luis Martínez-Almeida, do Partido Popular, foi este sábado eleito presidente da Câmara de Madrid.

Uma "geringonça" de direita viabilizou o novo executivo municipal. O PP teve o apoio dos liberais do Cidadãos e da extrema-direita do Vox. O entendimento com o Vox já foi questionado nas famílias políticas europeias. 

Martínez-Almeida sucede no cargo a Manuela Carmena, uma antiga magistrada e ex-militante comunista, eleita em 2015 com o apoio do PSOE.

Barcelona, mantém-se à esquerda. Ada Colau tomou posse para um segundo mandato.

A presidente da Câmara, líder de uma plataforma de partidos e movimentos de extrema-esquerda, garantiu o apoio do PSOE e do antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls. Um entendimento com o objetivo de impedir que o lugar fosse entregue a um candidato pró-independência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Socialistas vencem eleições na Catalunha e terminam com 14 anos de maioria dos independentistas

Navio de cruzeiro com 1500 passageiros retido em Barcelona porque 69 bolivianos têm vistos falsos

Dani Alves libertado sob fiança após pagar caução de um milhão de euros