A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Portugal acolhe migrantes retidos por Salvini

Portugal acolhe migrantes retidos por Salvini
Direitos de autor
reuters/file photo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Itália acabou por ceder. Matteo Salvini, o ministro do Interior, autorizou o desembarque dos 116 migrantes a bordo do navio Bruno Gregoretti.

A embarcação estava retida no porto de Augusta, na Sicília, e apenas uma mulher grávida e 16 menores tinham tido até agora permissão para sair.

Salvini declarava que cabia aos outros países europeus avançar com uma solução para o acolhimento e foi o que aconteceu.

Portugal, França, Alemanha, Luxemburgo e Irlanda abriram as portas para os receber. Ao que tudo indica, também o Vaticano irá acolher uma parte dos migrantes.