A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Alejandro Giammattei, o conservador eleito presidente da Guatemala

Alejandro Giammattei, o conservador eleito presidente da Guatemala
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Guatemala abriu as urnas e escolheu Alejandro Giammattei como o próximo presidente do país.

O candidato conservador de 63 anos, do partido Vamos, venceu a segunda volta das eleições presidenciais com mais de 58% dos votos.

O líder conservador diz que governar a Guatemala será "uma honra". "O objetivo foi alcançado. Hoje, com um nó na garganta e 12 anos depois, venho dizer que, para mim, este humilde servo, este humilde cidadão da Guatemala terá uma imensa honra em tornar-se o presidente da Guatemala, país que eu tanto amo ".

Ao lado, na corrida, estava a social democrata Sandra Torres, ex-mulher do antigo presidente Álvaro Colom que governou a Guatemala de 2008 a 2012. Torres obteve 41% dos votos. Uma tabela inversa comparando com a primeira volta, a 16 de junho.

Reuters
Alejandro GiammatteiReuters

Torres tinha liderado os resultados com cerca de 26%, enquanto Giammattei ficou em segundo lugar com 14%.

Num país onde 60% das pessoas vivem no limiar da pobreza, o presidente eleito, ex-diretor do Sistema penitenciário da Guatemala em 2006, prometeu, durante as eleições, lutar contra a corrupção, contra o crime violento e contra o desemprego.