EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Solução para o Ocean Viking

Solução para o Ocean Viking
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O primeiro-ministro maltês já garantiu que os 365 migrantes vão ser transferidos para navios da Marinha e seguir para terra

PUBLICIDADE

Depois de dezanove dias à espera no Mediterrâneo, os migrantes a bordo do navio Ocean Viking vão desembarcar em Malta. A notícia foi avançada, esta sexta-feira, pelos Médicos Sem Fronteiras.

O primeiro-ministro maltês já garantiu que os 365 migrantes vão ser transferidos para navios da Marinha e seguir para terra e que nenhum vai ficar nos pais.

Seis estados-membros da União Europeia, entre eles Portugal, estão disponíveis para acolher os migrantes. A maioria são menores de idade que viviam no Sudão.

Em comunicado, os ministérios da Administração Interna e dos Negócios Estrangeiros de Lisboa explicaram que a decisão surge em resposta a um apelo da Comissão Europeia. Portugal está disponível para acolher até 35 refugiados.

A autorização de desembarque do Ocean Viking, fretado pelas organizações “SOS Mediterrâneo” e “Médicos Sem Fronteiras”, acontece dois dias depois do navio Open Arms ter autorização para atracar na ilha italiana de Lampedusa.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comissão Europeia pede solidariedade para barco Ocean Viking

Secas, desertificação, ondas de calor: a crise climática atinge duramente a Sicília

Liga de Salvini abandona grupo de Meloni no Parlamento Europeu. Há riscos para o governo italiano?