A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Itália e União Europeia chegam a acordo sobre migrantes no Mediterrâneo

Itália e União Europeia chegam a acordo sobre migrantes no Mediterrâneo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Itália e União Europeia chegaram a acordo para a distribuição pelos Estados-membros de migrantes a bordo do "Ocean Viking". O navio de resgate das organizações SOS Mediterrâneo e Médicos Sem Fronteiras encontra-se no mar Mediterrâneo com 82 pessoas a bordo.

Uma medida do novo governo de Giuseppe Conte que abre um porto seguro aos migrantes e as portas do diálogo com o bloco comunitário quanto às questões de migração.

Já esta semana quase uma centena de refugiados teve oportunidade de abandonar um centro de retenção na Líbia rumo a Itália.

O processo foi conduzido pela Organização das Nações Unidas, que continua a "apelar à comunidade internacional para criar mais oportunidades de deslocamento e reintegração de refugiados vulneráveis da Líbia" com vista a manter o programa de salvamento.

Só em 2019, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) ajudou quase 1500 refugiados a abandonar a Líbia e a integrá-los em países europeus e no Canadá.