"Redes fantasma" contaminam mares

"Redes fantasma" contaminam mares
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As redes de pesca feitas de plástico são abandonadas na água pelos pescadores. Podem ser fatais para a fauna marinha e libertam microplásticos que entram na cadeia alimentar. A Finlândia quer saber qual a contaminação provocada pelas redes fantasma.

PUBLICIDADE

Qual é a contaminação das zonas de pesca provocada pelas "redes fantasma"? - As redes de pesca feitas de plástico são abandonadas na água pelos pescadores e podem ser fatais para a fauna marinha - O Instituto Finlandês do Meio Ambiente e a Associação Finlandesa de Pescadores Profissionais procuram saber exatamente o que está a acontecer.

"Alguns acham que praticamente não há nada, enquanto outros afirmam que o mar está cheio de redes. Mas. agora. estamos mais próximos dos fatos. Agora, percorremos um trajeto de 300 km e, às vezes, encontramos redes a cada 1 ou 2 km. Parece que continuam lá desde a pesca de inverno. Os resultados correspondem ao conceito, mas agora temos alguma informação numérica,” afirma o fotógrafo de natureza Markku Saiha.

As "redes fantasma" libertam microplásticos que entram na cadeia alimentar. Pode levar até 600 anos para que a herança desses pescadores se decomponha no fundo do mar.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Surto de listeriose mata no centro da Europa

Finlândia prolonga indefinidamente encerramento da fronteira com a Rússia

Finlândia assina pacto de segurança de 10 anos com a Ucrânia e envia ajuda no valor de 188 milhões