Última hora
This content is not available in your region

Nobel da Economia atribuído a luta contra a pobreza global

euronews_icons_loading
Abhijit Banerjee, Esther Duflo e Michael Kremer distinguidos pela "abordagem experimental para tentar aliviar a pobreza global".
Abhijit Banerjee, Esther Duflo e Michael Kremer distinguidos pela "abordagem experimental para tentar aliviar a pobreza global".   -   Direitos de autor  REUTERS
Tamanho do texto Aa Aa

O Nobel da Economia foi atribuído a três economistas pelas suas abordagens inovadoras na luta contra a pobreza global. Entre eles, uma mulher, Esther Duflo, a segunda a ser distinguida com o prémio.

"A Real Academia Sueca das Ciências decidiu hoje atribuir o Prémio Sveriges Riksbank de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel para 2019 a Abhijit Banerjee, Esther Duflo e Michael Kremer pela sua 'abordagem experimental para tentar aliviar a pobreza global'", anunciou o secretário-geral da Real Academia Sueca das Ciências, Goran K. Hansson.

Como resultado direto de um dos estudos destes economistas, mais de 5 milhões de crianças indianas beneficiaram de programas eficazes de tutoria nas escolas.