Última hora

União Europeia não revela data para futuro Brexit

União Europeia não revela data para futuro Brexit
Direitos de autor
Reuters
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Uma boa discussão parece ter reunido os representantes dos 27 Estados-Membros da União Europeia (UE) à mesa do adiamento do Brexit. A avaliação feita pelo negociador-chefe do bloco comunitário para a saída do Reino Unido, Michel Barnier, à saída do encontro, deixava antever a decisão: a União Europeia está disposta a estender o prazo para o Brexit. Só não diz até quando.

"O que posso dizer é que a União Europeia a 27 concordou com o princípio de uma extensão e vamos continuar com o nosso trabalho nos próximos dias", declarou a porta-voz da Comissão Europeia, Mina Andreeva, esta sexta-feira.

A indefinição de uma data vem dar tempo aos deputados britânicos para decidir se avançam para eleições antecipadas. Uma vontade manifestada pelo primeiro-ministro, mas rejeitada pela oposição, enquanto não houver um acordo para o Brexit.

Boris Johnson, que sempre se mostrou contra uma extensão da permanência na UE, continua a afirmar que a saída do Reino Unido poderia manter-se a 31 de outubro, mas que o futuro dos britânicos está agora nas mãos da UE. "Atualmente estamos numa situação em que, sob a "lei de redenção" aprovada pelo parlamento, cabe aos 27 decidir se ficamos ou na União Europeia e por quanto tempo será adiada a saída", disse o primeiro-ministro.

De acordo com a proposta do primeiro-ministro ao líder da oposição, as eleições poderão ser a 12 de dezembro.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.